ÚLTIMAS NOTÍCIAS

LUCAS POCAY TENTA CORRIGIR O ERRO DOS GASTOS COM O ARENA CROSS E PIORA A SITUAÇÃO


Diante da grande repercussão negativa de gastos com o montante de R$ 543 MIL de dinheiro público em um evento privado, o prefeito solta uma nota se complicando ainda mais.

Na nota, o prefeito informa que os custos do evento que já foram pagos com o seu, o meu, o nosso dinheiro, mesmo diante de fortes indícios de superfaturamento em R$ 163 MIL será reposto através de emenda parlamentar de um deputado estadual a solicitar, sem garantia alguma de aprovação.

Outra justificativa que não convenceu o povo, foi quando o prefeito disse que cerca de 1000 pessoas gastaram em média cada uma R$ 2 MIL gerando os tais R$ 2 MILHÕES que “impulsionaram” o comércio de Ourinhos.

Segundo informações do prefeito Lucas Pocay, o evento reuniu 7000 pessoas e arrecadou “quase” 10 toneladas de alimentos, com isto:

Se arredondarmos para 10 toneladas, mesmo não atingindo este valor e dividirmos por 2 kg de alimentos por pessoa, chegamos a 5000 pessoas.

Se foram 7000 pessoas no evento, menos as 5000 pessoas teremos um total de 2000 pessoas que pagaram pelos ingressos, gerando um lucro para a empresa privada acima de R$ 100 MIL.

Lembramos que esta empresa está sendo investigada na cidade de Limeira/SP por supostas irregularidades (veja matéria) e realizou o mesmo evento por R$ 380 MIL em Caraguatatuba/SP (veja matéria).

O povo de Ourinhos espera ansiosamente que o MP – Ministério Público investigue o suposto superfaturamento e se comprovado, condene os responsáveis.

VEJA TAMBÉM: