ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Prefeito Lucas Pocay receberá no Peru, PRÊMIO duvidoso por quebra de regulamento


O PRÊMIO LAMPA divulgado pela imprensa local, em que o Prefeito Lucas Pocay alega ter sido selecionado, possui informações contraditórias que podem caracterizar QUEBRA DE REGULAMENTO e desclassificar do prefeito.

O regulamento para os participantes, deixa claro que as inscrições deveriam ter sido realizadas entre 1º de novembro de 2016 até 10 de junho de 2017 com a entrega dos CASES “que obrigatoriamente deveriam ter ocorrido nos últimos 18 meses, devendo ser fidedignos em todos os seus dados e com demonstração de resultados comprovados. Tais dados deverão ser apresentados em valores absolutos ou relativos, respeitando a base adotada. A descrição dos casos deverá conter a definição do problema, os objetivos que foram estabelecidos se possível em forma quantificável, os resultados que foram alcançados e, em destaque, quem foi seu idealizador. A não observância do estabelecido neste artigo implicará a desclassificação do case.

Esta premiação foi colocada em dúvida a validade, pois segundo o próprio prefeito Lucas Pocay, a implantação do “SISTEMA DE VÍDEO MONITORAMENTO 24 HORAS” e o avanço da implantação de “ZONA AZUL ELETRÔNICA”, possuem datas posteriores exigidas no regulamento LAMPA e a “EXPERIÊNCIA DOS ALUNOS DE ESCOLAS MUNICIPAIS COM ROBÓTICA”, é uma ação que além de não ter ocorrido nesta gestão, a experiência com Robótica nas escolas municipais acontece há anos em Ourinhos, não comprovando que o prefeito é o idealizador.

PONTOS DUVIDOSOS
  • Tópicos que ocorreram nos 18 meses antecedentes;
  • Demonstração de resultados comprovados;
  • Resultados alcançados;
  • Quem foi o idealizador.

Agora fica a pergunta: A empresa GCSM, irá DESCLASSIFICAR o prefeito Lucas Pocay por QUEBRA DE REGULAMENTO fazendo cumprir o REGULAMENTO LAMPA?