ÚLTIMAS NOTÍCIAS

LUCAS POCAY ESTÁ VENDENDO* OURINHOS


Recentemente o prefeito Lucas Pocay divulgou um vídeo falando da cidade de Ourinhos (quase tudo apresentado no vídeo foi criado nas duas gestões anteriores). Criado para atrair investidores estrangeiros e com legenda em inglês, o vídeo pretende mostrar Ourinhos como uma cidade moderna – fato este fantasioso, mas mesmo assim oferece de bandeja uma gama de estruturas públicas municipais para livre uso da iniciativa privada.

A estratégia política de Lucas Pocay já está em andamento, divulgando maciçamente a venda (privatizações, concessões ou PPP)* da cidade de Ourinhos.

Esgoto (SAE)

A SAE, através do marketing da prefeitura e de ações manipuladas, está sendo vendida a imagem que está sucateada, fato este que não é real, pois a SAE é uma empresa lucrativa, auto suficiente, com estrutura e capacidade funcional para executar seus serviços com maestria, basta o superintendente Marcelo Simoni Pires trabalhar, e não querer utilizar deste marketing manipulado para justificar a “privatizações, concessões ou PPP” da empresa ou de seus setores.

Zona Azul (PREFEITURA)

A polêmica da Zona Azul Digital deixou claro que além de refletir negativamente, pois irá gerar desemprego ao invés de criar, possui um interesse por parte do prefeito Lucas Pocay descomunal para que uma empresa privada assuma os serviços, dando a entender que a intenção do prefeito é realmente de vender* toda a cidade de Ourinhos.

ZONA AZUL DIGITAL - PANORAMA

Sistema frágil com risco de acontecer inúmeras irregularidades, o sistema digital estará exclusivamente dependente da qualidade da internet na cidade de Ourinhos, que todos sabemos que é de péssima qualidade. A cada falta de sinal, a venda da autorização para estacionar não poderá ser realizada, fazendo com que o motorista fique no local aguardando o sinal retornar ou se desloque para um ponto de venda credenciado “em papel” que poderá estar totalmente fora de mão de onde seu carro foi estacionado.

Muitas pessoas ainda não utilizam a internet, um exemplo clássico são as pessoas mais idosas que não acompanharam o avanço tecnológico, mas possuem carro e terão um enorme transtorno com o sistema digital.

HISTÓRICO DE ZONA AZUL EM ALGUMAS CIDADES

CAMPINAS: A privatização da Zona Azul por 15 anos não aconteceu ainda por falhas apontadas pelo Ministério Público, que provocaram a suspensão do processo pelo Tribunal de Contas do Estado de São Paulo.

SÃO PAULO: Termos previstos no processo licitatório por chamamento público não estão sendo cumpridos na zona azul digital da Santa Ifigênia, através de irregularidades na venda digital. Com isto a falta de transparência e respeito ao consumidor acontece no dia a dia.

MACEIÓ: Zona Azul Digital de Maceió foi denunciada pelo deputado federal JHC (PSB) ao Ministério Público e será investigada. Uma das denúncias foi o fato do sistema de estacionamento rotativo pago ter sido instituído de maneira “unilateral”, sem projeto na Câmara Municipal de Maceió e sem discussão com a sociedade.

O Ministério Público de Contas, por meio da sua 5ª Procuradoria de Contas, expediu ofícios ao prefeito de Maceió e ao superintendente de Transporte e Trânsito do Município de Maceió recomendando a imediata suspensão da execução do sistema de estacionamento rotativo pago no Município de Maceió, denominado “Zona Azul”, incluídas a implantação e cobrança nas áreas já implantadas, assim como a suspensão do repasse de quaisquer valores à empresa contratada para a venda e administração de créditos virtuais e fornecimento de softwares e equipamentos, Alias Teleinformática Ltda.