ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FONOAUDIÓLOGA DA SANTA CASA FALA SOBRE CUIDADOS COM A VOZ


Qual a importância de cuidar diariamente da voz? Este foi um assunto tratado pela fonoaudióloga da Santa Casa de Ourinhos, Dra. Nilce Oliveira de Almeida Mattos, já que no último dia 16 de abril foi celebrado o Dia Mundial da Voz.

Como qualquer cuidado com o corpo, a voz também necessita de atenção. Para a fonoaudióloga da Santa Casa é importante cuidar da voz, pois a utilização de forma inadequada pode acarretar em vários problemas até mesmo mais sérios. De acordo com a Dra. Nilce Oliveira, os principais sinais de alerta de prováveis problemas vocais estão as alterações na voz, tosse frequente, alterações no timbre da voz, pigarrear com frequência.

A fonoaudióloga ressaltou que a rouquidão prolongada pode ser outro sinal de alerta. Segundo ela, quando o tom mais grave da voz permanecer por semanas, é necessário acender o sinal vermelho e procurar um especialista. “Se a pessoa está com rouquidão por mais de duas semanas, é necessário procurar um fonoaudiólogo que realizará a avaliação clínica e encaminhará esse paciente para um otorrinolaringologista, o qual fará um exame por imagem para verificar as pregas vocais. Após essa fase de avaliação, o fonoaudiólogo realizará um planejamento terapêutico em cima dos achados e iniciar terapia fonoaudiológica para melhorar. Porém se for detectado um nódulo ou outras situações comprometedoras, medidas adicionais serão necessárias, como por exemplo, um procedimento cirúrgico”.

No entanto, existem alguns hábitos básicos que podem auxiliar a preservar a saúde vocal, prevenindo alterações e doenças vocais. “Entre as principais recomendações está uma boa alimentação equilibrada em fibras; beber bastante água (2 litros por dia em média); não falar durante o esforço físico; não gritar em excesso nem em tom agudo; falar pausadamente; evitar o fumo; usar vestuário confortável; manter uma boa postura corporal ao falar; dormir bem; e comer maçã, já que a fruta trabalha na ‘limpeza’ das pregas vocais”, explicou a Dra. Nilce Oliveira.

Com relação aos alimentos que devem ser evitados, e segundo a fonoaudióloga, os principais seriam os derivados de leite. “Devemos evitar o leite com chocolate antes de dormir, pois pode ocorrer refluxo, ficando nas pregas vocais, o que poderá causar um edema, ocasionando assim uma rouquidão”.

FONTE: Assessoria de Imprensa da Santa Casa