ÚLTIMAS NOTÍCIAS

EX-MARIDO DE MULHER ASSASSINADA COM 4 TIROS NA FRENTE DA SANTA CASA DE BARIRI É PRESO





🌐 A redação | Ourinhos/SP


Segundo a polícia, vítima de 28 anos levava o irmão ao hospital quando encontrou com a esposa do ex, que efetuou os disparos. Ela foi presa fugindo para outra cidade com a arma; ex-marido se apresentou à polícia e foi preso suspeito de envolvimento.

O ex-marido da mulher que foi assassinada com quatro tiros na frente da Santa Casa de Bariri (SP) foi preso na noite de domingo (17) depois de se apresentar à polícia.

Taís Carla Mosconi, de 28 anos, foi morta durante a madrugada de domingo, quando levava o irmão para atendimento na unidade hospitalar.

A atual esposa do homem é a suspeita ter dado os tiros. Ela foi presa após o crime em um ônibus fugindo para outra cidade. A suspeita estava com uma uma arma na bolsa. O homem foi preso por suspeita de ter envolvimento no crime.


Segundo a Polícia Militar, a vítima foi levar o irmão ao pronto-socorro quando acabou se encontrando com a esposa do ex-marido, de 19 anos, e as duas começaram a discutir.

Ainda conforme a polícia, a jovem pegou um revólver e atirou cinco vezes contra Taís. Um dos tiros acertou o braço do rapaz com quem a vítima tinha um relacionamento e que a acompanhava no momento do ocorrido.

Os outros disparos atingiram Taís, que foi socorrida às pressas, mas não resistiu aos ferimentos. Taís foi enterrada na manhã desta segunda-feira (18), em Bariri.

Segundo o delegado responsável pelo caso, Marcílio César Frederici de Mello, o ex-marido da vítima se apresentou na delegacia ainda no domingo e a polícia entendeu que houve um provável envolvimento dele no crime.


"Houve indícios de que ele acompanhava a moça no momento do crime, não nos disparos, mas parece que ele acompanhou a moça em todo o trajeto que ela fez, com a arma e tudo mais", explica o delegado.

A jovem de 19 anos, atual esposa do homem, foi presa em flagrante enquanto fugia para Jaú, em um ônibus intermunicipal. O veículo foi abordado na Rodovia Deputado Leônidas Pacheco Ferreira e a mulher foi encontrada. Na bolsa dela, estava um revólver calibre 38 com a numeração raspada.

A jovem confessou o crime e foi levada para delegacia, onde foi presa em flagrante por homicídio e tentativa de homicídio. Ela e o marido vão passar por audiência de custódia nesta segunda-feira (18) em Bariri.


FONTE: Marília Urgente




WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 – WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699 - WHATSAPP (14) 99606-1699